sábado, 13 de junho de 2009

replay

“Parece tão repulsivo, mas esse é o momento perfeito em que se apresenta uma verdadeira oportunidade de demonstrar coragem e de conhecer o amor. Amar significa ficar com. Significa emergir de um mundo de fantasia para um mundo em que o amor duradouro é possível, cara a cara, ossos a ossos, um amor de devoção. Amar significa ficar quando cada célula nos manda fugir.”
Já postei esse trecho do livro Mulheres que correm com os Lobos, de Clarissa Pinkola Estés, mas achei que os pensamentos e acontecimentos de hoje mereciam esse replay .

3 comentários:

Alberto Marques disse...

Fabi,
Tenho a sensação que o amor é algo maior que estar com. Talvez a sensação de estar junto oportunize sentir as virtudes do amor. Já estamos COM, só não percebemos. Ao escrever este comentário, pensei em diversas coisas e acabei expressando pouco, então, pode parecer desconecto.
Um abraço e permita-se, isto é viver (ou pelo menos mais uma forma).

drika disse...

é um lindo texto!

kamikamisa disse...

ô FAbi,
Sei não. As vezes esta coragem de ficar me parece pura burrice.
Beijo proce.