segunda-feira, 18 de abril de 2011

Fui até o fim. Estou livre.

GASTE SEU AMOR!! Usufrua-o até o fim. Enfrente os bons e os maus momentos, passe por tudo que tiver que passar, não se economize. Sinta todos os sabores que o amor tem, desde o adocicado do início até o amargo do fim, mas não saia da história na metade. Amores precisam dar a volta ao redor de si mesmo, fechando o próprio ciclo. Isso é que libera a gente para ser feliz de novo!
(Do Face da Pâmella Slongo Rezek)
 

5 comentários:

Hathorie disse...

Muito bonito e vero.

Não há quem aguente coisas mal resolvidas... uma hora o peito pesa.

Fatimawine disse...

Olá,

Gostei da vista que esta varanda proporciona.Use e abuse dessa incontinência.

Manuh das Oliveiras disse...

estava em meu Blog e cliquei em próximos Blog e assim totalmente por acaso vim parar aqui...e ler seu post me fez respirar mas aliviada. Fui até o fim !=D

bom dia!

Manuh das Oliveiras

Fabi disse...

Oi Gente....estou feliz com as visitas. A varanda é nossa,sintam-se a vontade sempre. Beijo grande.

Daniel Aladiah disse...

Pois, há gente que faz ciclos completos sem parar, outros juntam anéis... a cada amor são espinhos e rosas que se entrelaçam até o nosso coração ficar exangue...
Um beijo
Daniel